terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Aquilo

Ouvindo (Vivendo do Ócio-Nostalgia ali)


O tempo...
Esse sim, mostra muita coisas!

Toda a felicidade, experiência, rotina acabam transformando aquilo em algo comum e não percebemos o quanto aquilo é especial.
Esse aquilo pode te definir, pode te moldar, pode te aproximar e distanciar. O aquilo faz parte da tua vida e simplesmente deixa de ser valorizado se torna um pronome demostrativo, um situação ordinária, uma rotina que não merece valorização excepcional.

O aquilo talvez seja o que você realmente é.

A busca por mais Eu faz você perder o aquilo e você deve buscar um outro excepcional. Mas o aquilo vivido fica na memoria e o passado se torna maravilhoso e o aquilo parece está lá, agora sendo experimentado por todos menos você que não faz mais parte daquilo. Ficando apenas a pergunta: como seria se eu tivesse naquilo agora com eles?
Valorize os seus aquilos, eles merecem, e não deixe ele serem ordinários, pois construir outros aquilos requer muito desprendimentos dos aquilos que te parecem serem seus e que você guarda.
Os aquilos foram vividos, uns mais intensamente e outros menos, mas todos são aquilos que a lembrança traz a cada momento.
Não enterre os aquilos e não esqueça deles. Pois eles são necessários para novos aquilos e para o tempo fazer sentido no seu passar.

É, o tempo...voltamos a ele.
Esse sim, ensina muita coisa!


sábado, 28 de junho de 2014

Rio em Chamas (filme manifestação)



Rio em Chamas é um filme-manifestação que fala da crise social por que passa a cidade do Rio de Janeiro e dos protestos públicos que se tornaram constantes desde meados de 2013. Como uma manifestação, é composto pelos múltiplos pontos de vista de seus vários realizadores, unindo testemunhos, ficção, registros documentais e animações, sem pretender apresentar uma visão totalizante dos acontecimentos que vêm se acumulando desde então, mas sim tomar parte deste momento.

Rio em chamas é um filme criado no calor do momento, na emergência dos acontecimentos. Capta os diversos climas que motivaram e motivam as manifestações que ocorrem na cidade desde de 2013, dando a elas legitimidade e se incluindo mesmo barco. Apresenta uma sequência de confrontos nas ruas, então temos imagens fortes de choque entre manifestantes e a policiais, um barulho inteligível, vozes misturadas, deixando evidente a agonia e o desejo por mudança. Tudo isso sai da tela e faz o telespectador se sentir no meio do conflito.

quinta-feira, 19 de junho de 2014

O sofrimento


Was mich nicht umbringt, macht mich stärket.
Aquilo que não me mata, me fortalece.
O que seria da humanidade se não fosse o fato de termos sentimentos e sensações... pobres homens que amam, sofrem, são felizes, sofrem, tem família, sofrem, tem amigos, sofrem, são felizes, sofrem, fracassam, sofrem, superam, sofrem. É sofrem é uma carma do qual não estamos livres.

Nos últimos meses tenho percebido que um dos mais graciosos, cruel, deliciados e renovadores sentimentos é o sofrimento. Seria ele lado ruim do que é bom, ou um molde de régua para qualificarmos o bom e ruim?

Não sei como responder.

No entanto, sei que sofre se faz necessário para aprender a ser feliz, afinal como saberei o que é felicidade se não aconheço o seu oposto. Parece simples (e pode ser), mas como lhe dar com isso. Essa sensação de não, de fracasso, de desencaixe, de um cômodo que incomoda.

Como?

A dor é um caminho.

E nem tudo que nos faz sofrer e necessariamente ruim, assim, também, nem tudo que nos dá prazer é 
totalmente bom.

Considera o sofrimento algo ruim é questionável.

Caritas patiens est. 1 Cort. 13.4

Assista: Nietzsche e o sofrimento

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Novo CD PITTY - SETE VIDAS

Em 2014 seremos agraciados com mais um sonoro  CD de PITTY uma das melhores artistas brasileiras. Seu álbum SETE VIDAS já tem alguns áudios liberados na rede confiram o que vem por ai.

Pitty- SeteVidas

Pitty - Boca Aberta


Pitty - Lado de lá

domingo, 27 de abril de 2014

"Super Heróis" de ressaca

Você é do tipo que curti super heróis? Sabe tudo sobre sua vida, seus pontos fracos, leu os gibis, assistiu os filmes?  Já imaginou seus super heróis se divertindo?
Se duas respostas tiverem sido positiva, esse vídeo pode te deixar chateado. Porém é uma chance deixar a criatividade fluir. 

Mas se você apenas assisti os filmes só por diversão. Esse vídeo poderá lhe tornar um super fã.
Então assistam e comentem.