domingo, 9 de agosto de 2009

Sentir

E bom ter quando se quer
E bom saber querer
Não é bom num querer
Ter sem querer faz sofrer

Segredo do sabor é o desejo
O problema só foi o primeiro beijo
Que acordou um velho desejo
Desapertando para vida o sujeito

Que adormecido estava
Esperando a hora chegar
Hora que já estava a passar
Então por que não quer amar?

Pergunta que não se responde
Apenas se sentida é respondida
De forma às vezes eloqüente
Então como saber se é correspondente?

Não tendo como responder
Apenas sente-se algo ardente
Que aos poucos ficar envolvente
E então não temos o que fazer.

Apenas sentir e viver.